Tempo de Leitura: 3 minutos

Sempre gostei de simplificar ao máximo a minha gestão doméstica (e tenho uma casa que desenhei para otimizar isso mesmo) pois acho que existem melhores sítios para investir a minha energia e o meu tempo.

Costumo ter ajuda da minha fada do lar (que entretanto também está em casa) por isso apareceram mais umas coisas para fazer mas neste momento não me sinto muito mais sobrecarregada.

Deixo algumas ideias de coisas que me ajudam neste caminho.

Transformar a expetativa de como tudo devia estar

A casa não vai estar como queremos. Respiremos fundo e aceitemos.

Mais gente em casa durante mais tempo, talvez menos ajuda para manter o espaço. Parte do problema não é a desarrumação ou o pó. É a nossa expetativa de como devia estar.

Hoje há coisas em cima dos móveis da minha casa que não costumam estar mas é ali que precisam de estar com os escritórios improvisados. Há impressões digitais na mesa de vidro que me andam a querer provocar 😊. Há coisas fora do sítio.

Há. Que lá fiquem.

 

Manter limpo

Na minha experiência é mais fácil ir mantendo limpo as coisas que devem estar limpas do que fazer grandes sessões de limpeza (em particular as casas de banho e cozinha).

Tenho um pack de limpeza com produtos de limpeza e panos nas casas de banho e na cozinha e vou limpando à medida que uso. Tenho um aspirador daqueles portáteis e vou passando pelo chão.

 

Simplificar o tratar da roupa

Uma das regras para trabalhar em casa é vestirmo-nos pois dá uma mensagem a nós mesmos que estamos a trabalhar. Tenho optado por roupa que seja fácil de lavar e não seja preciso passar a ferro.

 

Simplificar as refeições

Tenho optado por cozinhar refeições simples, sem sujar muita louça ou fazer muita confusão. Na realidade quase sempre faço isto.

Uma ideia para planear este tipo de refeições é orientarmo-nos pela imagem do prato saudável.

Metade do prato deve ser legumes e frutas. Se não tem frescos, procure comprar congelados ou enlatados (embora os congelados sejam melhores por terem menos “cenas” adicionadas).

Um quarto do prato deve ser grãos, de preferência integrais como por exemplo massa, arroz ou pão integral. Podemos sempre fazer uma maior quantidade de arroz ou massa e usar em várias refeições. Batata não é grão nem legume. 😜

Um quarto do prato deve ser proteínas. Exemplos de proteínas são leguminosas (feijão, grão, lentilhas), os frutos secos, o queijo e os ovos que são coisas que podemos ter mais facilmente em casa do que a carne. As latas de atum podem ser uma solução simples para trazer o contributo proteico.

Também tenho escolhido algumas receitas que possam render várias refeições como por exemplo assar um tabuleiro grande de legumes no forno que serve para várias refeições.

 

Planear refeições e compras

Para minimizar as idas às compras e fazer uma alimentação saudável tenho feito um planeamento das refeições mais cuidadoso num calendário do mês que imprimi. Já não fazia isto há alguns anos mas senti a necessidade para minimizar o risco de faltar alguma coisa.

Quando há menos recursos precisamos de planear melhor. 😊

Pode descarregar aqui um calendário de abril para imprimir ou improvisar um calendário numa folha e colocar na porta do frigorífico.

Tenho feito as compras semanalmente na mercearia do bairro (onde sempre faço) e que vêm entregar a casa. A entrega é rápida (em vez das semanas de espera de alguns supermercados online que tenho ouvido falar) e apoio o comércio local.

Neste site há uma lista de pequenos negócios que estão a entregar em Lisboa. Noutras terras também há soluções que muitas vezes desconhecemos e que agora estão a ganhar visibilidade. Familiares fora de Lisboa encontraram soluções no Facebook e boca-a-boca.

 

Usufruir

Com o treino de mindufulness, uma das coisas que transformei foi a minha relação com as tarefas domésticas. Antes encarava estas tarefas como um obstáculo, como algo que está ali a impedir-me de passar para o próximo momento que será mais satisfatório. Hoje em dia quase sempre encaro-as como uma oportunidade de descansar de tudo o resto, de estar ali naquele momento em grande agitação mental. Chegam a trazer-me tranquilidade.

FERRAMENTAS

Sobre os “Tenho de…”

“Tenho de ir trabalhar.”  “Tenho de enviar este email.”  “Tenho de ir fazer o almoço.”  Tenho de, tenho de… TENHO DE… Esta expressão, tão presente no nosso dia-a-dia, traz a tudo o que fazemos uma carga de...

read more

Atividade experiencial de 1 dia para equipas de projeto

Vamos promover práticas de gestão de trabalho e projeto mais produtivas para melhores resultados. Tudo isto com uma abordagem de teambuilding, aprendizagem e brainstorming inovadora com a duração de 6 horas.   Recorremos a uma atividade de aprendizagem experiencial de...

read more

AO COMANDO DA OBJETIVO LUA

Ana Relvas, Ph.D & Consultora de Desempenho

Ana Relvas é a propulsora da Objetivo Lua, projeto que cresceu da sua vontade em ajudar outros a concretizarem o seu potencial e foi construído sobre uma carreira de mais de 10 anos como Gestora e Engenheira Aeroespacial.

É esta experiência que, aliada à formação como Coach e Master Practitioner em Programação Neurolinguística, permite entender os desafios profissionais atuais e desenhar programa para cada pessoa, equipa ou empresa.

 

 

 

Soluções   Cursos   Recursos
Quem Somos   Blog   Contactos

 

 

 

Copyright © 2018 Objetivo Lua. Todos os direitos reservados. Powered by Business Config.

0